Osasco/Sollys 3×0 Rio de Janeiro/Unilever Super Liga feminina @CNN_BR @Reinaldo_Cruz @Dribles_ @Qb_7

Com um incontestável 3×0 o Osasco/ SollysO venceu o Rio de Janeiro/Unilever e conquistou a Superliga feminina de Vôlei.

 

Em apenas um único momento na partida, o time de Bernardinho esteve no comando do placar.


Durante todo o jogo foi o adversário quem ditou o ritmo e comandou o placar da decisão.
O time da casa subia com vontade no bloqueio para tentar conter o ímpeto ofensivo do Osasco/Sollys.
A cena que mais se viu no Maracanãnzinho foi de um Bernardinho balançando a cabeça, não acreditando no que estava acontecendo, mas ao mesmo tempo não tinha o que fazer diante de um adversário que não errava de jeito nenhum.
O treinador dava orientações e as broncas, mas nada mudava na partida.
Mexeu, trocou as jogadoras, só que as falhas e a superioridade das oponentes continuavam.
O saque do time paulista castigava.
Hooker também.
Enquanto Bernardinho gritava, tentava acordar suas pupilas, Luizomar de Moura levava uma conversa ao pé do ouvido com a levantadora Fabíola durante o pedido de tempo.
E diante de um ginásio completamente lotado e de um Rio de Janeiro/ Unilever apático, o Osasco/ Sollys fechou o jogo em 3×0 e conquistou o campeonato.

leia mais…

Bernardinho critica CBV por falta de homenagens a Fernanda Venturini | globoesporte.com.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s